sábado, junho 25, 2022

Minissérie reconstitui a terrível trajetória do médico psicopata Duntsch

É o pior pesadelo de um paciente: entrar na sala cirúrgica para um procedimento rotineiro e sair dela aleijado, ou mutilado, ou em estado crítico — ou nem sair. A partir do dia em que o neurocirurgião Christopher Duntsch começou a trabalhar em um hospital de Dallas, no Texas, essas ocorrências se tornaram assustadoramente frequentes. Arrogante ao ponto de ser ameaçador e com comportamentos que deveriam ter levantado bandeiras vermelhas imediatamente, Duntsch — interpretado com toques de delírio por Joshua Jackson — deixou uma trilha de carniceria atrás de si, apesar dos esforços de membros da equipe médica para que sua licença fosse cassada. Esta minissérie em oito episódios é não só uma reconstituição enregelante da trajetória de Duntsch, um psicopata real, como um indiciamento da complacência dos meios de controle das práticas médicas. Alec Baldwin, Christian Slater e Hubert Point-Du Jour estão ótimos como os profissionais que se incumbiram de pará-lo — e as cenas das cirurgias, embora não sejam explícitas, são aterradoras.

 

- Advertisement -
Ultimas Notícias

Aldo Rebelo afirma que censura em redes sociais é ‘talvez mais perigoso’ que fake news

O ex-ministro da Defesa, Aldo Rebelo (PDT), considera que um possível impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal não...